segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

11º Capítulos - Promessas

Olá!

Capitulo nos dias dos namorados, obvio que não me podia esquecer! ;)
Espero que apreciem! =)
Para todos os que estão apaixonados!
BOA LEITURA!
11º Capítulo - Promessas



Pousei a carta em cima da mesa, e olhei Alex com os olhos a brilhar de felicidade. Ele esteve uns dias longe de mim, o que foi um verdadeiro tormento, pois não sabia se ele voltaria, apesar de me ligar pelo menos duas vezes ao dia para me acalmar. E quando finalmente regressou, entregou-me uma carta fechada, dizendo que foi ao castelo principalmente para me trazer aquela surpresa.
Era uma carta da Arianna, uma amiga que uns meses antes de conhecer Alex ela viera de ferias até a minha antiga villa, e criamos uma amizade de certa forma.
No final do verão ela partiu com os pais, mas ficamos amigas á mesma, sempre trocando e-mail’s.
- Eu lembro-me de quando me contaste que afinal ela era uma híbrida de Atlantis – sorri meio envergonhada – e eu por mais curiosa que estivesse, tinha sido transformada á apenas umas 3 semanas e fui extremamente parva contigo – fiz careta.
- Se me lembro, dizes-te “ Vai-te foder Alexander! Não fales comigo, seu filho da puta”. – dizia pensativo e depois sorriu-me brincalhão, mostrando não estar chateado com aquilo – É, acho que foi isso…
Gargalhei.
- Sabes, ela aqui está a dizer que casou com o Dominick, esse foi o rapaz que a tinha feito sofrer imenso antes de a ter conhecido e a razão de ela ter um olhar perdido, e agora foi encontra-lo lá? Quem diria! E adivinha só, o namorado dela, o Kyle de quem ela me chegou a falar, era irmão do Dominick que além de eles serem de Atlantis, são a família real de lá e isso… Fogo, que coisas!
- Admira-me não dizeres “foi o destino”… - picou.
- E foi! – ele gargalhou por me ter ofendido – Sabes – olhei-o toda deslumbrada – ela agora é super feliz! O Kyle pelo que me apercebi deu a vida pelo irmão – murmurei – Mas ela diz que agora tem dois filhos! Gémeos Alex! Oh meu deus! Um menino e uma menina, Kyle e Francesca! E aqui diz que está grávida de novo!
- Isso sem dúvida alguma será importante para Dominick.
- Tu conhece-lo? – perguntei meia confusa.
- Se te tivesses interessado pelo tema, já te teria contado – sentou-se no sofá ao meu lado e puxou-me para ele – Ele não era o rei da cidade perdida, mas sim Jared o seu pai. Mas no fundo Dominick é que governava na verdade. E ele ajudou imenso na altura em que estava contigo no hospital… - não alargou muito o tema pois era uma coisa que ainda custava um pouco a ambos – E ele ajudou na captura dos responsáveis da revolução, e do atentado que nos fizeram... Eu fui lá agradecer pessoalmente, e então a tua amiga mandou o recado… Agora pelo que sei, Dominick foi coroado Rei, pois o seu pai achou melhor já que ele era muito melhor como rei do que o próprio Jared, e casou com a Arianna tornando assim rainha. Agora, dos filhos eu não sabia.
- Nota-se que ela está radiante! Quando recebes-te esta carta? – questionei.
- Uns dois meses depois de te ter expulsado…
- Então, já foi á cerca de dois anos atrás! A esta altura os gémeos já têm quase 3 anos, e o filho que ela esperava, já nasceu e tudo! Deve er 2 anos e meio… Quer dizer, ela disse que o medico lhe pareceu suspeito pois quando ela fez piada de ser gémeos de novo, ele sorriu… Fogo, já pode ter 4 filhos! Tantos!
- Nikka, lá é uma cultura diferente dos humanos a qual estás habituada. É muito importante as crianças na família, e ainda mais na família real. Provavelmente ela ainda terá mais uns 7 ou isso – gargalhou com a minha cara de choque – E normalmente é curto o espaço de tempo entre eles, a idade fértil das mulheres de Atlantis, pelo que me apercebi, é até os 30 anos,33, por aí.
- Que estranho… Olha uma vampira a falar de coisas estranhas – ironizei.
-É verdade, trouxe-te bolsas de sangue – acariciou o meu cabelo – Eu sei que te custa caçar.
Abracei-o apertado murmurando um obrigada.
- Sabes o que eu queria? - sussurrei abraçando-o.
- O quê? – eu sabia que ele me daria.
- Ir ao cinema contigo. A ultima vez que fomos, foi na villa. E antes de eu saber que eras vampiro. Só fomos uma vez, depois compras-te uma televisão toda moderna e nunca mais fomos.
- Tu queres mesmo? – enrugou a testa. – Tem tantos humanos… - disse depreciativo.
- Quero sim. Vá lá, vamos!
Ele suspirou.
- Está bem. Mas alimenta-te antes de ires, para não te sentires incomoda. Trouxe-te bolsas suficientes para uns dois meses.
- Está bem. Vou vestir-me! – beijei os seus lábios. Ainda estava de pijama.
- Eu prefeita que não te desses ao trabalho de colocar roupas, mas…
Atirei-lhe com uma almofada do sofá.
- Só pensas nisso!
- Não é verdade…
- Conta-me histórias! Eu conheço esse olhar.
- E mesmo assim, preferes cinema! Enfim.
Não lhe liguei e fui me vestir.
Estávamos na fila e não é necessário dizer que Alex odiava estar na fila, por isso reclamava.
- Eu ter de esperar…
- E que tal dizeres que és o Rei dos vampiros, assim deixam-te passar á frente. – ironizei.
Ele resmungou.
- Qual queres ver? – perguntei olhando o painel dos filmes.
- Qualquer porcaria. Escolhe.
Suspirei.
- Vamos ver aquele – apontei para um de comedia romântica. Ignorei o murmúrio de descontentamento de Alex.
Uns rapazes passaram, e assobiaram para mim. Alex rosnou baixinho.
- Aperta a casaca.
Ignorei-o. Odiava quando me dava ordens.
- Estás a ouvir, Nikka? – olhou-me enervado – Mandei fechares a casaca!
Tirei a casaca, mostrando o meu tope preto que moldava o meu corpo. E fazendo os rapazes assobiarem mais.
Ele bufou irritado, e simplesmente olhou os rapazes, que logo se afastaram.
Eu entrelacei os dedos nos dele, e sorrindo percebi que ele olhava atentamente quem me ousava olhar.
- Se não vestires a casaca, antes de sairmos da qui, já terei matado alguem. Estou-te a avisar.
Vesti a casaca.



A experiencia no cinema não estava a ser a melhor. Tudo porque o filme era muito emotivo, e despertava a sensibilidade de todos. Eu cheguei mesmo limpara lágrimas discretamente, enquanto me abraçava a Alex.
Mas Alex não gostou nada do filme. Fazia criticas constantemente. E quando eu disse “que lindo” ele ficou mais chato. O “que lindo” referia-se a uma frase que o protagonista tinha dito, embora Alexander tenha acreditado que achei piada ao actor. Estava irritado.
- Eu não acredito que ele disse isso! – gargalhou alto Alexander desochadamente – Que imbecil.
- Alex fala baixo!
- Já se está mesmo a ver que o imbecil vai morrer. Se tem cancro terminal, tem que morrer, se não é irreal.
- Ouve lá meu, qual é a tua? – alguém a trás de nós exaltou-se e atirou com o pacote de pipocas.
O pacote acertou na cabeça de Alex que ficou completamente rígido e quieto, enquanto pipocas caiam pelos seus cabelos e ficavam coladas na roupa.
Oh não.
- Queres é levar nessa boca! – continuou o gajo levantando-se – Eu paguei para ver o filme sossegado, não para ter que ouvir um paneleiro qualquer a falar na merda do filme todo!
Oh não.
Alex delicadamente levou os dedos ao cabelo e tirou uma pipoca.
- Como disse? – A voz de Alex estava amigável.
OH NÃO!
- O que ouviste seu merdas! Calas a boca ao bem, ou ao mal!
Segurei a mão de Alex.
- Por favor… Por favor Alex. Calma.
Ele simplesmente me olhou, com os lábios rígidos e respirava pelo nariz de forma acelerada, enquanto os seus olhos brilhavam febris de raiva.
- Ouve a pequena – ouvi o barulho da cadeira a partir ao meu lado, quando o rapaz me chamou pelo “nome” exclusivo de Alexander – Antes de ela se cansar de um gajo como…
Alex levantou-se, e as pessoas resmungaram. Ele sacudiu calmamente as pipocas, e simplesmente olhou o rapaz. No escuro o humano não devia ver bem o rosto de Alex, já que cheio de arrogância se levantou apertando os punhos.
- Vais enfrentar-me é paneleirote?
- Eu simplesmente arranco o teu coração e obrigo a puta da tua namorada come-lo. – Ameaçou tranquilamente Alexander.
- Alexander, vamos embora…
-Puta o caralho! – levantou-se a loira mamuda – Puta é ela!
Oh não, eu só queria sair de lá e comecei a puxar por Alex. Ele não se movia um milímetro.
Alexander pegou no humano pelo pescoço e levantou-o, encarando-o nos olhos, e rugindo fez o rapaz começar a pedir desculpas e tentar soltar-se.
- Nunca… ninguém… me chamou… paneleiro…
- Desculpa meu! Retiro o que disse… Desculpa…
- Alexander, por favor…
- Tarde de mais para lamentações. – então, o pescoço do rapaz foi partido, e eu soltei um grito ao mesmo tempo que a loira mamuda.
Alexander puxou-me por um braço e saímos de lá, enquanto os humanos enlouqueciam.
- Era necessário teres matado o humano? – perguntei a tremer ligeiramente enquanto ele arrancava com o carro a alta velocidade
- Ninguem que me ofende, vive para contar a história.
- Alexander, tu é que começas-te! Para que tinhas de incomodar as pessoas no cinema? Ele estava no direito dele! E tu mataste-o!
- Não dou segundas oportunidades.
- Porque o matas-te, caraças?
- Do lado dele?
Mais uma discussão infernal. E no fim ninguém ganhava, ambos perdíamos.
Porque eu tive a brilhante ideia de ir ao cinema, acabando a saída na morte de um rapaz.




No dia seguinte, nem nos falávamos. O que tornava o ambiente ainda mais irritante.
Fui á sala pegar um livro que tinha deixado lá para me distrair a ler. Ele estava sentado no sofá a mudar de canais, sem mais nada para fazer. Fui para o quarto e continuei a minha leitura deitada na cama.
- Vais ficar amuada muito mais? – perguntou chateado ao entrar no quarto.
- Achas que não tenho razão? – olhei-o descrente – Alexander, porque não podias ter deixado para lá? – ele olhou-me como se fosse louca. – Esquece, já discutimos 3 horas o assunto e não consegui que pensasses direito, então é melhor esquecer.
- É sempre a mesma merda. Nunca percebes que sou um vampiro e não um santo.
- Não podias ter perdoado?
- Como também querias que te perdoasse a traição, Nikka?
- E lá vamos nos novamente! Não ficamos de deixar acalmar as coisas um pouco antes de te fazer ver a realidade? – exasperei-me.
- Se queres perdão, é melhor procurares um padre.
- Quero ler sossegada, sai por favor. – voltei os olhos para o livro.
Ele respirou fundo e sentou-se na cama. Ignorei-o. Ele acabou por se aproximar de mim, e lia o livro comigo.
- Se me amaces como dizias, terias tentado ouvir-me quando me acossaram. – sussurrei ainda a olhar para o livro. Ele respirou fundo e ignorou. Dei de ombros. Era a personalidade dele.
De um momento para o outro, Alexander tirou-me o livro das mãos e beijou-me ao mesmo tempo que me abraçava forte.
- Não estou no clima para ter sexo Alexander. – empurrei-o para o afastar de mim.
- Caso não tenhas percebido, só te estava a tentar abraçar. – sentou-se despenteando o cabelo nervosamente – Só queria estar abraçado a ti, sentir-te comigo. E nada tinha a ver com necessidade de sexo.
- Pensei que era só isso que te motivava.
- Não sou um animal que não se controla, percebes?
Ri sem humor.
- Nestes dois anos que estivemos separados, certamente não foste celibatário.
- Da mesma forma que tu. – acusou.
- Estás a queres saber com quantos tive relações depois de ti, é? – olhei-o firme.
- Não sei se quero saber. – deu de ombros desinteressado – Realmente prefiro não saber quem pós as mãos naquilo que é meu.
- Está bem. – dei de ombros – Então eu não te digo com quantos tive sexo, mas quero que me digas com quem tu tiveste. Dormis-te com a Kawit, não foi? E não me refiro a dormir mesmo. Deitaste-a na mesma cama que me amavas? – soltei aquilo que me roía por dentro á muito.
Silencio. Não era necessário dizer nada.
- Era de esperar que aquela badalhoca se aproveitasse da minha ausência. Nada de novo até aí. – Mas sentia o gosto amargo na boca, só de pensar que Alexander tivera sexo com ela. Eu sabia que antes de me conhecer, eles faziam. Mas, saber que depois de mim, depois de me conhecer e me amar, jurar-me venerar-me todos os dias da eternidade, e mesmo assim fazer com ela… ruía-me de tal maneira que eu nem sabia expressar.
- Nós tínhamos acabado.
- Eu percebo. – ironizei – Tambem percebes perfeitamente o facto de ter feito com outros, então.
Silencio.
- Ela tentou. – disse baixinho – E eu queria. Queria deixar de fechar os olhos e pensar em ti, no teu corpo, no teu cheiro.
- Belas desculpas. – sentia-me traída.
- Mas não consegui. – confessou enquanto se deitava e escondia o rosto no meu pescoço – Só via os teus olhos, a cor da tua pele, o teu cabelo… Não funcionava com ela, por mais que quisesse. Nem com ela, nem com outra qualquer. – confessou.
- Oh Alex, juras? De verdade?
- Juro. – respondeu baixinho. – Depois de ti, as outras não existem. Não têm atractivos para mim.
Abracei-o forte.
- Para mim funciona igual. Não existiu mais ninguém, Alex. Foste o meu primeiro e único. - Os dedos dele correram pelo meu rosto, enquanto me beijava lentamente - e se quiseres, será assim para sempre.
Fechei os olhos, e senti os seus beijos no meu maxilar, a devoção com os seus dedos corriam pelo meu cabelo, como sentia a sua temperatura corporal.
Sentia que estávamos juntos apesar de tudo, porque o ar pegava fogo sempre que os nossos olhos se cruzavam, sempre que estávamos no mesmo local.
O ar faltava-me nos pulmões, a visão desfocava-se sempre que ele me tocava. O seu corpo rodou para cima do meu, e apoiando-se nos cotovelos, contemplava-me enquanto eu o contemplava. Apreciando a beleza um do outro, e sorrindo com isso.
- Tu prometeste amar-me, venerar-me acima de todas as coisas. – sussurrei levando os meus lábios contra os seus – Para sempre…. Tu prometes-te, Alexander.
- Eu sei. – afagou o meu rosto – E para sempre, significa para sempre. Não importa o que aconteça, eu continuarei a cumprir a minha promessa pela eternidade.

Espero que tenham gostado.
Beijinhos e já sabem, comentem ;)

38 comentários:

Margarida disse...

AR da minha vida!!!

OH meu Deus!!! nem acredito naquilo que acabei de ler, simplesmente não acredito!! A tentação de voltar a ler e reler o capitulo antes de comentar é muito grande, mas acho que se comentar após primeira leitura transmito melhor aquilo que senti quando li :)

O que eu posso dizer? não há mais nada para dizer além de perfeito, espectacularmente fantástico e divinal!
Já é usual ficar com borboletas no estomago de cada vez que leio os teus capitulos, mas desta vez deve ser um animal muito maior que as borboletas xD Oh meu amor, estou tão mas tão feliz, que até fico parva, sem saber o que dizer...

Já me tinhas revelado alguns spoilers, mas contigo nunca se sabe (acreditei piamente em ti quando me revelas-te o final da primeira temporada, e depois foi como se tivesse sido atropelada por um camião, lol).

Amei, amei, amei profundamente todos os gestos de carinho do Alex. O facto de lhe ter levado o sangue para ela se alimentar, o facto de lhe telefonar duas vezes por dia para a sossegar, fazer-lhe a vontade de ir ao cinema, os carinhos na cara e no cabelo, foi tão, tão mas tão sem palavras! Tu sabes bem que eu tinha saudades disso... e ela já merecia :)

AMEI o pormenor do Alex ter partido o pescoço ao rapaz, foi TÃO Alex, OMG! Já morria de saudades por uma reacção destas!ahaha, acho que se partisse-mos o pescoço a todas as pessoas mal educadas o mundo ia ser um lugar bem melhor, não achas?
Eu imaginei logo uma cena destas quando comecei a ler que os rapazes estavam a olhar para a Nikka, pensei vai mata-los. E ela ainda provocou! xD, amei profundamente...

Quanto a esta frase do Alex - "Realmente prefiro não saber quem pós as mãos naquilo que é meu" - imagino que não estaria menos ruido pro dentro do que a Nikka. Grande LOL, acredito mesmo que o Alex não quisesse saber se alguém se tivesse atrevido a tocar na sua beleza pessoal, e que não o quisesse matar instantaneamente :)

O final foi perfeito meu amor, já tinha saudades de ler um capítulo com um final que gostasse tanto, foi mesmo mesmo PERFEITO. "E para sempre, significa para sempre." acho que foi a coisa mais romântica que li últimamente, e acho também que esta vai ser uma daquelas frases que tu escreves que não mais me saem da cabeça, por exemplo "só porque não te digo que o céu é azul, não quer dizer que não o seja", ou "Sempre teu, só teu", entre muitas outras...

Amei também (vou ter de comprar um dicionário para arranjar sinónimos para "amar" visto que estou sempre a repetir esta palavra) o pormenor do Alex se rir do que a Nikka foi em tempos, de o insultar quando ele lhe queria falar da Ariana. lool, achei imensa piada eles rirem-se os dois daqueles tempos, mostra a força da relação deles. É sempre assim, por muitas coisas más que digam ou façam, quando se ama de verdade até esses momentos acabam por se recordar com carinho....

Bem, meu amor, fico à espera do próximo!(ÓBVIO, lol)

Beijo enorme, e um ADORO-TE assim muito muito obeso meu amor!

AMO VOCÊ!! :*

Margarida disse...

^Esqueci-me de referia as músicas!! AMEEEEEEEI!!!! Mas tu queres matar-me de uma vez por todas?!? Como se já não chegasse todo o capítulo maravilhoso, que me faz ficar colada ao ecrã a uma distância de poucos cm's, e que me faz ficar com vontade de chorar quando vejo que chegou ao fim, tu pões-me assim estas músicas??? My Chemical Romance e McFly? OMFG, AR! Eu juro que isto qualquer dia morro, não sei se o meu coraçãozinho aguenta muitas destas...

PS: peço desculpa pela quantidade incontavel de pontos de exclamação nos dois comentários, mas isto acontece quando fico tão excitada e quero transmitir tudo o que estou a sentir. Umas pessoas fazem-no por palavras (como tu), eu faço com pontos de exclamação xD pronto, já chega de parvoíce, não te incomodo mais, meu amor.

Adoro-te assim daqui à lua**

Vitor disse...

AR, este capítulo novo está mesmo soberbo *-*
Ver (ler) a atitude do Alex a matar o humano foi mesmo fantástica, de facto só a Nikka para consegui-lo tirar do cinema xD
Ela finalmente leu a carta da Arianna, já está a par das noticias e tudo. Pelo menos, já deve estar mais descansada em relação a ela. Agora é ver como a relação dela e do Alex se vai desenvolvendo (com os momentos que eles os dois têm a sós, não me admira que a sua eternidade será um final mesmo feliz xD)
Continua a escrever assim
Bjs de um amigo :D

AR disse...

Margarida

Margarida da minha vida! =P
Oh Meu Deus, digo eu!
Quando li o teu coment, foi “a margarida está de volta”! xD
Não que os teus coment’s antigos tenham sido maus, MUITO longe disso, mas é que neste, fez-me lembrar a “velha” margarida. Acho que se calhar foi de comentares logo, não sei! xD
Só sei que me lembrei logo do tempo em que saia das aulas e vinha praticamente a correr para casa, só para ver o coment e responder logo. A mesma coisa com os e-mail’s! xD
Portanto, acho mesmo que comentares após a primeira leitura funcionou muito bem! :)

“O que eu posso dizer? não há mais nada para dizer além de perfeito, espectacularmente fantástico e divinal!
Já é usual ficar com borboletas no estomago de cada vez que leio os teus capitulos, mas desta vez deve ser um animal muito maior que as borboletas xD Oh meu amor, estou tão mas tão feliz, que até fico parva, sem saber o que dizer...”
^^ Exagerada! =P Mas obrigada, isso para mim é tipo wow, já que é o meu objectivo, ao partilhar com os leitores o meu gosto pela escrita, quero as borboletas lá, a ansiedade e tudo isso x)

Ahahah quando li aquilo de te ter dito alguns spoilers, mas que comigo nunca se sabe, arrancas-te uma gargalhada minha. xD
Dizes-te que acreditas-te piamente em mim quando te disse o fim da primeira temporada e depois foste atropleda por um camião, mas eu não menti.
O que foi que eu te disse? Que ia ser basicamente de aceitação e superação, (não é o que está a acontecer? :P) e tu foste logo pensar noutras coisas Xd
Ok, ok, eu confesso que sabia perfeitamente que ias pensar nisso, foi o meu objectivo também, porque eu digo-te muita coisa e depois fico “oh, agora já não vai ter piada…” (pelo menos comigo funciona assim, tu sabes o quanto eu odeio spoilers xD )
Mas pronto, eu nunca mais te enganarei ;)
^Mas valeu a pena, eu quando lia os teus e-mail’s na altura percebia logo para onde tinhas levado a coisa e notava-se que estavas triste, e tudo isso e eu ficava mesmo com vontade de contar logo como ia ser, mas depois eu postei rápido, não te deixei assim por muito tempo =P

Fogo, e acho que já estou a fugir do assunto… Vamos ao capitulo =P

Ainda bem que gostas-te dos gestos de carinho do Alex, margarida! =D Até eu já tinha necessidade que o Alex ficasse “querido” de novo. Mas mesmo assim tinha que colocar um pouco da revolta interior dele, como quando ele fala que a Nikka quer que ele a perdoe, e se quer perdão que vá procurar um padre xD
Mas realmente mostra que ele ama-a de verdade (nós sabemos, já que vimos o que ele pensou nos seus pontos de vista, mas a Nikka não tem tanta certeza disso e fica aterrorizada com a ideia de ele “desaparecer”) e as coisas que eu “subtilmente” mencionei são muito importantes, e claro que tu sempre a ler nas entre linhas reparas-te logo XD O facto de ele telefonar, as bolsas de sangue, leva-la ao cinema….

(continua)

AR disse...

Margarida

(continuação)

Ah… o Alex a partir pescoços… Só podia ser esse o final, porque por mais que quisesse que a Nikka tivesse a sua tal saída ao cinema (ele tentou controlar-se imenso com os rapazes) não podia ignorar o que um reles humano tivera a ousadia de fazer!
Sim, foi mesmo TÃO Alex xD
Eu ria-me imenso ao escrever ele a levar com as pipocas na cabeça e tira-las calmamente. E o gajo ainda o chamou de paneleiro, e chamou a Nikka de pequena. Só o Alex chama isso.
Ele já estava irritado dos rapazes, o filme enervava-o e depois o rapaz… bem, ele não podia aguentar mais! Ahahah
Sim, e a Nikka ainda provocou o Alex ao tirar a casaca ;) xD Alex não gostou mesmo nada! (já para não falar que teve de esperar numa fila, com todos a olhar para a Nikka… xD)
^Eu tentei dar um toque de divertimento á coisa, se passou não sei, mas eu cá me diverti a escrever xD

Sim, quando o Alex disse “Realmente prefiro não saber quem pós as mãos naquilo que é meu”, mostra mesmo o grau de sucessividade que ele sente em relação á Nikka. Ela pode tê-lo traído, ele pode tê-la expulsado, mas ela ainda é dele. Tal como a Nikka fica ruída ao pensar na Kawit com o seu Alex. O Alex iria começar a imaginar o outro com a Nikka, a acariciala como só ele tinha feito e pronto passava-se! xD

Quando o Alex e a Nikka se riem do que a Nikka fazia/dizia quando era mesmo uma recem nascida, mostra mesmo o grau de intimidade deles, (mais uma vez isso não te escapou :P ) Porque o Alex também consegue perceber de certa forma o que ela passou, se te lembras da primeira temporada quando ele lhe conta o seu “passado” ele também foi um vampiro contrariado, já que ele sempre viveu preso, era um escravo. E então quando pensa que está livre, fica preso de novo. Mas então percebe que a “maldição” tens as suas vantagens e abraça-a por completo. Mas ele sabia que a Nikka era um tanto diferente. E tu até podes procorar num dicionário outra palavra além de amar, mas para mim essa serve na perfeição! =)

Ah, e adorei saber que tenho frases que decoras-te! =)
A do céu ser azul e isso =D “sempre teu, só teu” e da Íria e Afonso, não ficou nenhuma? =P
E “O amor é eterno. Alem da vida, além da morte. Para sempre e sempre”? ;)


Quanto ás musicas, que bom que gostas-te! *-*Eu adoro-as!
E Muse *-* (tu sabes que eu tipo, venero muse! xD
My Chemical Romance eu sei que tu adoras! =D
E se contribuíram para te prender ao capitulo, melhor para mim! =P
E não morras por favor, se não eu mato-te! =P

Beijinhos minha querida
EU AMO VOCÊ
E também te adoro assim como daqui até á lua
=*

AR disse...

Vitor

Olá Vitor! =)

Que maravilhoso que achas que este capítulo novo está mesmo soberbo *-*
=D

Ah, o Alex no cinema xD Tambem, o gajo provocou, e o Alex não perdoa xD Foi atirar com pipocas ao ALEXANDER? Chama-lo de paneleiro e chamar a Nikka de pequena quando só ele faz isso? o.O Ao Alexander? --'
Resultado, um pescoço partido xD

Sim, a Nikka agora já tem noticias da Arianna, o que é muito bom! =)

Quanto aos momentos deles dois sozinhos, são mesmo fofos sim =) mas vamos ver se eles serão felizes ou não ;)
^nem eu sei ainda =P
p.s-> Obrigada por sempre comentares =)

=*

Anónimo disse...

olá AR mais uma vez vou dizer o quanto gosto de ler o que escreves: "adoro ler o que escreves...." xD não importa lol...ta muito bom e muito fixe este capitulo, a historia ta a levar um rumo muito bom... :D muitos bjinhos ass:mariana

AR disse...

Mariana
Olá mariana! =D
Que bom que tens gostado do que escrevo e do rumo da história.
Espero sinceramente que continues a gostar, e se poderes/quando poderes/ se quiseres xD vás comentando, assim eu já ganho o dia! =)

P.S-> Podes dizer mil vezes "adoro ler o que escreves...." que eu nunca vou me importar! Muito pelo contrario, querida! =D

Beijinhos querida, obrigada por leres e comentares! =)
=*

Rita Cullen disse...

Olá Ar :)
Já li o capitulo ontem mas como já era um pouco tarde e eu estava um pouco cansada decidi escrever hoje o comentário para teres alguma coisa de jeito para ler xD
Então como foi o teu dia dos namorados? foi bom ou foi como eu que passei mais um ano solteira? xD
Bem mas agora passando ao capitulo...

Já estava com saudades de ler um capitulo da tua história, já não postavas á algum tempo.
É bom poder rever a Arianna e o Dominick. Fogo tantos filhos men, coitada da Arianna o que ela vai ter de aturar xD

E não acredito, o rei Alex foi ao cinema xD E pois claro que não ia dar em coisa boa. Primeiro não se cala um bocadinho e segundo reclama com tudo queria o que? que as pessoas não o mandassem calar? Pobre rapazito que é que o mandou falar mal po Alex e ainda por cima a namorada (loira mamuda ahahaha xD) chamar-lhe puta? Ah pois é a morte xD
Mas pronto, só assim é que as pessoas aprendem a não se meter com o Alexander King :p

E a Nikka ficou amuada claro.
Pois é claro que o Alex dormiu com a Kawit, pois é claro que também não deve ter sido a única com quem ele dormiu -.-
Mas ao menos não lhe ligou nenhuma (ah ah ah, toma lá Kawit) xD
Oh ele só ve mesmo a Nikka é frente assim como ela só o ve a ele.
Sim senhora estes dois estão a ter um bom recomeço, é assim é que eu gosto :)

Gostei muito do capitulo, também eu gosto sempre muito dos teus capitulos :p
Beijinhos grandes ^^

M Moon disse...

lindooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo *.*
eu simplesmente amo cada palavra que tu escreves minha querida, este capitulo está perfeito +.+ adorei amei completamente.
Desculpa nao tar a comentar como é costume mas aulas e tal e depois tambem nao deixa muito tempo para ler... mas ja li! nao consegui aguetar sem ler ^^
Diz-me por favor quando é que postas, porque isto é um tormento nao saber, juro! E da outra historia? esqueceste-te dela? nao te esqueças por favor eu adorei o primeiro capitulo e tou anciosa pelo segundo (agora faz la as contas de quantos meses é que sao de espera...)! Alem disso como disseste ja ta escrito so falat uns retoques e pronto, fazias aqui a je muito muito feliz ^^
Ja sabes fico à espera!
Bjs sweety*

TTF disse...

Ar,

minha querida,

desculpa só estar a comentar agora, mas eu já tinha lido, só não tive tempo nem inspiração para contar, ultimamente não tenho inspiração sao tantos os problemas!

Voltando ao que interessa, adorei a parte da Ariana, gostei mesmo!

Ah e na bilheteria do cinema foi demais, aperta a casaca Nika, os piropos dos outros que já estavam a inervar o alex, foi cómico.

Foi trágica a parte da discussão e quando lhe chamou aqueles nomes todos e alex mandou o gajo para os "anjinhos".

Adorei o final super, super, super, super romantico!
Que lindo *-*!!


beijinhos
inês

Lipa disse...

Amei... o capitulo está espectacular como sempre:)
Eles estão cada vez a ficar mais proximos e eu estou a gostar disso.
Adorei a referencia que fizeste à Ariana... A verdade é que as tuas histórias estão todas interligadas...
Parabens pelo teu trabalho e continua assim..
Desculpa não ter comentado mais cedo mas com as coisas da escola torna-se um pouco complicado durante a semana:)
Beijinho*

Blog da Sara & Inês ♥ disse...

Hey querida AR!
Está tudo bem? (:
Em primeiro queria dizer-te que eu já lí o capitulo há imenso tempo, isto é, no dia em que o postaste! Mas não tive tempo para comentar... :S
Isto de teste, trabalhos de casa e trabalhos de grupo/individual não uma dor de cabeça, e ainda nos tiram o tempo livre xD
E também há mais uma razão!
Nós Molinhas (Gupo de saltar á corda - ao qual eu pertenço) vamos terça - feira á RTP1!
Há praça da alegria saltar á corda! Então esta semana tivemos treino quase todos os dias! Só não tivemos na segunda... até hoje de manhã tivemos ;D
Muito trabalho! O que interessa é que agora já arranjei um tempinhi livre e vim comentar!
Já ví o teu mail e vou tentar responder ainda hoje (:
Tenho uma proposta a fazer... mas falo melhor isso no mail.

Quanto ao capitulo:
Eu adorei, não não, eu amei!
Foi lindo o capitulo, lindo lindo!
Foi bom receber noticias da Ariana e também perceber o que o Alex esteve a fazer nestes dois anos em que deixou Nikka!
Uma das parte que também me chamou bastante á atenção foi a ida ao cinema... foi fantástico!
Ela provocou-o mesmo quando tirou o casaco! Se fosse comigo ui ui acredito que ele não saia de lá vivo xb
O facto de ele ter morto o rapaz que o insultou achei normal! Ele disse desde o inico que não tinha pena dos humanos, que eles eram apenas alimento!
O rapaz não tinha nada que o insultar, meteu-se com a pessoa errada (:
A última parte foi linda *.*
Resumindo AMEI TUDO ;D
Gosto muito de ti :)
Beijinhos*
SARA

ANDREIA disse...

Olá minha princesa LINDA!
Não temos falado nada e isso deixa-me imensamente deprimida, mas tu nunca estás no MSN e eu confesso que também não vou lá muito.
Ando muito cansada. Não tenho tempo para nada nem para ninguém e odeio isso. Não vejo nenhuma folguinha num horizonte próximo, por isso não tenho outro remédio senão aguentar e aguardar que esta onda cansativa passe muito rápido.
Quanto a este teu capítulo PERFEITO que tenho eu a dizer??
Hum deixa-me lá pensar…
Fiquei mesmo feliz quando cheguei aqui no dia dos namorados e vi o teu capítulo postado. Como já era tarde não pude comentar, fui adiando, e até parece mal comentar quase uma semana depois, mas pronto.
Amei do fundo do meu coração.
Sinto que a relação do Alex e da Nikka está a trespassar as barreiras de um amor adolescente e fugaz.
A Nikka está muito adulta, a imortalidade fez-lhe muito bem e assenta-lhe que nem uma luva e isso é algo que me agrada imenso nela.
Tenho vindo a notar que eles estão muito abertos a falar de tudo (ou quase tudo).
A ida ao cinema foi mesmo 5 estrelas e a parte do blusão que a menina Nikka tirou para enervar Alex, foi das partes que mais me fez ver que estão ambos tão diferentes mas no fundo estão tão iguais.
Foi mesmo MUITO ALEX, partir o pescoço ao rapazinho. Ri-me que nem uma louca quando ele lhe chamou de paneleiro. OMG! O Alex pode ser muita coisa mas falta de masculinidade é coisa que temos visto que sem dúvidas não tem. Hehehe
(Ainda agora, uma semana depois, a escrever o comentário me rio com a situação no mínimo bizarra).
Depois as pipocas a saltarem-lhe para o cabelo… OMG! És incrível e só tu é que tens estas ideias fofas. EU AMO!
Sou 100% viciada nas fics/histórias da AR.
A parte em que falaram da Kawit fez-me ter vontade de a matar. Ok, eu sabia que o Alex não iria fazer um voto de castidade enquanto estivesse longe da Nikka, mas para mim isto é de mais.
Ela não passa de uma vadia e eu se estivesse no lugar na Nikka mostrava-lhe o sol. Era uma vez e pronto. Final dessa parte da história! HEHEHE
Tenho vindo a questionar-me acerca de umas coisitas. Não vai nunca mais na História falar do irmão ou do pai da Nikka?? Eles não voltarão a aparecer nem nada do género?
E a Nikka, ela não voltará ao castelo nunca mais?
Não vai voltar a estar com o Alain e com a Julianne?
Gostava que fizesse o reencontro da Nikka com a Kawit, o confronto das duas. Afinal agora a luta entre elas já não é desleal visto que a Nikka já é forte o suficiente para acabar com ela.
Pronto, como viste questões e duvidas não me faltam… (Sou muito chatinha) mas isto é um dos efeitos de estar tão viciada em AESAMN.
Bem…acho que por agora é tudo.
Espero que saibas que por menos vezes que falarmos eu continuarei SEMPRE a estar aqui e a adorar-te muito. Para a vida inteira!
PS: Estamos as duas nomeadas para melhor escritora, num blogue. Olha como era de esperar estás-me a ganhar com mais de metade de avanço. Só para nós que ninguém nos ouve: votei em ti! Hehehe Shiu as pessoas depois pensam que sou tolinha por deixar de votar em mim! LoL
Beijinho enorme,
ADORO-TE!
ANDREIA

Anónimo disse...

AR do meu <3
Desculpa só comentar agora $: ainda so tinha lido metade do capitulo e agora é que os testes começaram a acalmar… =/
Mas o que interessa é que estou cá, não é linda? ^^
Soberbo *-* Meu Deus, este capitulo está divinal :o
Dos melhores que já escreveste (mas também digo isto em todos , por isso xD)
Bolsas de sangue!? OMG, ele é tão sweetie e carinhoso :D E eu nem sei como foi capaz de aceitar a ida ao cinema com a Nikka =0 Eu so pensava “ai, k isto vai correr al $:”!!!
E quando ela tirou o casaco! na fila? Ah meu deus, já é mau o suficiente o Alex ter de estar numa fila, pior ainda rapazes a assobiá-la :P e para piorar, ela tirou o casaco!
E é que correu mesmo! Chatear-se com um rapaz é uma coisa; agora mata.lo? o.O
Mas com tanta coisa má a acontecer, é normal ele estar sob pressão! Passo a cita.lo : ele não é um anjo xD
(so se for de beleza ^^’)
Meu Deus, ele é louco :D E é isso que eu gosto nele ;P Matar uma pessoa á frente de humanos num cinema? Num local publico? Oh, gosh o.O Ainda tou em pânico, as vezes fico a achar como seria se isto fosse realista! =| Eu é que não queria ser o pobre rapaz!
E quando foram para casa… ui, ui, ela estava passada ^^ E depois quando começaram a falar dos casos enquanto estiveram separados? Eu achava que ainda ia correr mal ;o mas o fim foi tão perfeito, tão romântico, tão carinhoso ^^
A promessa vai ser cumprida, tenho a certeza! Ele já a deixou tantas vezes, mas não consegue sobreviver sem ela ^.^’

Que lindo ;D
AR, já viste o presente que te mandei por mail? Como não respondeste, tou-te a dizer :D
Espero mesmo que tenhas gostado =’D
=* Bjs da tua
Loba ^^ VITA
PS: Sabias que adorei o capitulo? Ah, já disse xD

Joana disse...

Adorei o capitulo AR :)
Sinceramente a melhor parte foi sem dúvida a do cinema x) Só tenho uma duvida. Ninguém mais no cinema reparou no que estava a acontecer e ninguem achou estranho aquele pobre rapaz (que tinha a boca demasiado "suja" e meteu-se com a pessoa errada x) ) fosse achado com o pescoço partido? :o
Mas resumidamente o capitulo está perfeito, a Nikka finalmente recebeu as noticias da ariana e finalmente aqueles dois estao juntos ;)
(Vi agora a tua resposta ao meu comentario do post do teu aniversário, e por mais que goste de twilight por acaso não tenho nenhum blog)
Beijinhos :)

Marta disse...

Olá minah queridaaa :)

acho que nao há assim muito a dizer - tambem hoje nao esotu com inspiração para comentarios (apesar de estar extremamente feliz e bem disposta - talvez isto em deixe assim ehe, e sim, temos de falar!)

O capitulo esta tipooooooo, lindo, e paerfeito! Adorei completamente, e acho que encontrei um alex perfeito para mimmmm :DD

adorei as musicas querida!

desculpa o comentario fraquinho, mas nao queria deixar de marcar a qui presença :PP

Kis
Love youuu

Bruna disse...

Eu amei como sempre este capítulo está fantástico.
Sei que não tenho vindo ver se há novo capítulo muitas vezes, mas isso não significa que esteja a perder o interesse.
Esta fascinante história irá sempre captar a minha atenção.
Porque enquanto ela durar, as minahs visitas a este blog também irão.
Não prometo que seá para sempre, nem te peço que postes para sempre, e sei que não o farás porque existe coisas mais importantes que vir todos os meses a um blog postar uma história. Não que eu não goste porque gosto muito, ams sei que um dia isto vai acabar, e tenho muita pena disso.
Porque eu gostava de acreditar que isto é para sempre, que a Nikka e o Alex irão acompanhar-me para sempre :)
Sei que este não é o último capítulo, mas estou numa de agradecer-te e dizer o quanto gosto de ti e deste blog maravilhoso.
Por isso peço-te, que quando deixares de postar, sejas aos 25 ou 60 anos :P que não elemines este blog, para que eu posso vir reler a história, ams talvez isso não seja preciso, porque eu acredito que um dia esta história vai ser publicada e vendida em todo o mundo :)
E tu irás conseguir isso, porque eu (e todos os leitores) acredito em ti!

Phills disse...

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAR,
que capitulo mais que perfeito foi este?
Estou tipo histérica!
Indo por partes .. Aquela ida ao cinema foi deveras interessante, 'Alex delicadamente levou os dedos ao cabelo e tirou uma pipoca.
- Como disse? – A voz de Alex estava amigável.
OH NÃO!
- O que ouviste seu merdas! Calas a boca ao bem, ou ao mal!'
HAHAHAHAHAHAHA, ri-me tanto! O gajo devia ter a mania que era o super homem lá do sitio, convenhamos que ele não sabia quem o Alexander era mas também ninguém faz aquele espectaculo no cinema, só o homenzinho mesmo. A paga? morreu hahaa
Mas a melhor parte não foi esta, foi mesmo quando o Alexander confessou que não tinha feito sexo com #&%$"#& da Kawit, tu sabes como eu a odeio, devo ser tipo a nº1 do clube anti-fans haha xD.. Aquela pega HAHAHAHA, nós todos imaginamos que ela bem tentou sendo a porca suja que é mas o Alex é tão fofinho que não conseguiu.

AMEEEEEI o capitulo AR, a sério que sim x)
Beijinhos *

AR disse...

Rita Cullen

Olá Ritinha!! =)
Ah, o meu dia de namorados acho que foi basicamente como o teu xD
Sim, foi mais um ano solteira! xD
Mas repara, mas vale passar o dia sozinha do que mal acompanhada xD

Agora quanto ao capitulo, fico mesmo contente por teres gostado de rever a arianna e o Dominick, e sim, coitada da Arianna tantos filhos! (definitivamente não era para mim lol)

Ahahah pois foi o Alex foi ao cinema (embora não correu lá muito bem :/) ele também estava a ser rabugento e isso. E pronto o namorado da loira mamuda (esse termo foi o mais pratico que encontrei para passar uma imagem rápida de como era a rapariga e o rapaz xD Acho que todas nós já vimos uma loira mamuda na vida xD) o namorado dela chamou paneleiro ao Alex :O e pronto, era uma vez um pescoço.

Eu pelo menos ao escrever, ao imaginar o Alex levar com as pipocas gargalhei bastante. E a cena da casaca da Nikka ;)

Ah, antes que me esqueças eu fiquei com a impressão que tu achas-te que o Alex tinha tido algo com a Kawit, ele disse á Nikka que não teve (e não teve mesmo). Quando eu mostrei o ponto de vista dele, parei numa parte em que ele ia desapertar as calças. Mas ele não chegou a fazelo, se te lembrares ele só tinha a imagem da Nikka na cabeça. Ele queria fazer com a Kawit para mostrar que a Nikka não era importante para ele que uma traidora mentirosa não era nada para ele, mas na verdade ele não podia continuar. Porque não funcionava com a Kawit, ele não se interessa por mais nenhuma a não ser a Nikka.
“-Ela tentou. – disse baixinho – E eu queria. Queria deixar de fechar os olhos e pensar em ti, no teu corpo, no teu cheiro.
- Belas desculpas. – sentia-me traída.
- Mas não consegui. – confessou enquanto se deitava e escondia o rosto no meu pescoço – Só via os teus olhos, a cor da tua pele, o teu cabelo… Não funcionava com ela, por mais que quisesse. Nem com ela, nem com outra qualquer. – confessou.
^Ou seja, ele desde que se separou da Nikka não se envolveu com mais nenhuma. Desde que a conheceu não viu mais ninguém, só ela. Tal como a Nikka é com o Alex.


E agora sim, a Nikka vai fazer a Kawit calar-se, porque a Kawit estava sempre a dizer que ela não importava e era inútil por não ter poder e tal… Bom, ela pode continuar a ser mais fraca, mais frágil que os puros por o Alex a ter transformado muito cedo, mas ela agora tem um poder ;)
A Kawit que se prepare! ;)

Querida, queria agradecer-te imenso porque tu sempre comentas. Muito obrigada por todo o apoio!
Beijinhos grandes, desejo-te tudo de bom!
=*

AR disse...

M Moon

Olá minha querida M Moon!!

Eu já tenha tantas saudades de falar contigo no msn *-*, é que nem sabes! =P
Oh, obrigada por dizeres “eu simplesmente amo cada palavra que tu escreves minha querida”! Tu nem sabes como eu fico toda feliz!! É tipo, mesmo bom para mim! =) Fico logo toda “ai” lol Eu simplesmente amo quando dizes essas coisas =P

Oh, não tens de pedir desculpas por não estares a comentar ou isso (porque eu acho que tens comentado sim xD e é sempre uma grande coisa, bastava um eu li da tua parte que eu já delirava! =) ) eu percebo que com as aulas o tempo é super curto, e obvio que também sou estudante sei que com testes e isso tudo andamos sempre a correr. Para mim o dia devia ter uma 30 horas, e não só as míseras 24!
Não te preocupes com isso meu bem, comentas quando e se poderes =)

Ah pois, a história! xD Eu realmente tenho que postar, esqueço-me sempre disso!! Penso “amanha vou postar” e depois vem algo que me impede… Enfim, vou ver se amanha ou sábado trago capitulo (se tudo correr bem, a minha net anda tola xD), tenho que pesquisar musicas e essas coisas. Mas realmente agora que vejo já passou bastante tempo – eu pensava postar praí um capitulo por mês dessa história mas passa-me completamente xD – ai que vergonha xD – e ela teve tão boa aceitação que nem tenho desculpa :S
E eu sei que tu adoras-te, portanto o próximo capitulo saí brevemente, para te fazer muito feliz [como dizes xD – espero é que gostes do que se vai passar ;) ] ;)
Beijinhos minha querida!
=*

AR disse...

TTF

Olá minha querida Ines!!
Eu já te agradeci pelo coment, mas é sempre bom frisar o “obrigada”! =)

Eu realmente adoro quando comentas, e nem quero ouvir-te pedir desculpas por teres comentado depois de teres lido e isso - -‘ achas que tens de pedir desculpas por isso? comentas é quando poderes e se poderes meu bem!
Mas obrigada por teres tirado um tempinho para comentar, para mim um “eu li. Continua” já é óptimo! =)

Ainda bem que gostas-te de rever a Arianna – rever não é bem a palavra, é mais ter noticias xD
E sim, o Alex foi logo “aperta a casaca”. Ele é possessivo em relação a ela xD
E pois é, o rapaz foi para os “anjinhos”, quem o manda afrontar o rei dos vampiros? – tambem coitado do moço, tinha logo que se meter com o Alex. Que azar xD

Querida, mais uma vez obrigada por tudo!
Beijinhos muito grandes! =*

AR disse...

Lipa

Olá Lipa!! =)
Espero que esteja tudo bem contigo =)
Ah, obrigada por dizeres que o capitulo está espectacular como sempre!
=O Isso faz bem á minha vaidade xD
A sério, é que para mim é mesmo maravilhoso ouvir (melhor, ler) isso =)
É, a Arianna foi mencionada neste capitulo! =) Sim, as minhas histórias estão interligadas, achei que seria giro, uma ideia diferente (eu gosto de tudo que é diferente) =)
“Parabens pelo teu trabalho e continua assim..”
^Oh, muito obrigada minha querida! É tão bom ouvir isso (= Obrigada por visitares o meu blog, por comentares e me apoiares. Muito obrigada mesmo querida =)

Ah, e não tens nada de pedir desculpas por teres demorado a comentar! - -‘ Achas? Não tem mal nenhum! Eu percebo perfeitamente que o tempo não é ilimitado. Eu ando sempre com falta dele xD (o dia devia ter umas 30 horas, não? ) comentas quando poderes =)
Beijinhos grandes meu bem, e mais uma vez obrigada Lipa!
=*

AR disse...

Blog da Sara e Inês

Olá Sara!
=)
Tudo bem querida?

Oh, não tens nada de pedir desculpas por não teres comentado logo, achas que sim?
O que importa é que leste e depois ainda arranjas-te um tempinho para comentar!! =)
Eu percebo perfeitamente que com a escola é complicado – hey, também estudo! xD
Comentas quando poderes e se poderes, obviamente minha querida. Saber que andas por cá já é óptimo meu bem.

Ah, é verdade!
O teu grupo foi á RTP1? =o
Que máximo!! Olha, eu não pode ver, porque a essa hora em que passa o programa eu não tava em casa :s Foi com imensa pena minha porque ia ter adorado ver, mesmo!!
Ainda passei pelo youtube para ver se conseguia ver algum vídeo ou assim :S
Se tiveres gravado ou assim, depois envia-me porque eu realmente queria assim MUITO ver! =)
Tenho a certeza que correu tudo bem ;)

Quanto ao capitulo:
Oh, ainda bem mesmo que amas-te e que achas-te lindo! *-*
^Isso é mesmo bom para mim! =)
Ahahah a ida ao cinema xD
A Nikka provocou imenso ;)
Pois, foi normal o alex ter matado o rapaz que o insultou, porque tipo… ele é o Alex. Já estamos habituadas a isso nele xD
Ele sempre disse que não tinha compaixão humana e que a vida dos humanos não tem significado para ele, portanto se o Alex de repente tivesse perdoado, isso sim é que não era normal xD
Ainda mais quando o gajo lhe chamou paneleiro1 =O – bem, nos realmente vemos que não é ;) – e chamou a nikka de “pequena” quando só o Alex faz isso. Portanto, era uma vez um pescoço
- -‘
Ah, ainda bem que achas-te a ultima parte linda *-* Porque tipo, eu queria que ficasse algo fofo, afinal era o dia dos namorados xD

P.S-> Vou ver se respondo rápido ao teu e-mail Desculpa se ainda não o fiz mas é que o tempo lixa tudo =/ Mas vou responder rapidamente ;)

Obrigada por tudo minha querida!
Beijinhos grandes!
=*

AR disse...

ANDREIA

Olá minha querida!
Ai que saudades tuas, nem sabes! =)
“Não temos falado nada e isso deixa-me imensamente deprimida, mas tu nunca estás no MSN e eu confesso que também não vou lá muito.”
^as tuas palavras podem ser utilizadas por mim! xD Nunca te encontro lá, andamos sempre desencontradas
Pois, eu também ando super sem tempo e obvio que também odeio isso :S Que seca, a vida de estudante é complicada xD
E a tua deve ser mais, com a universidade e isso… pft nem quero pensar que para o ano vou e então é que não terei tempo para nada! =O

Ah, pois foi o capitulo foi nos dias dos namorados! xD – Por faloar nisso espero que o teu tenha corrido bem, depois contas-me ;)
E não tem mal nenhum teres comentado quase uma semana depois. Achas que sim? Até parece Andreia! =P
Eu percebo perfeitamente, porque eu também demoro a responder aos coment’s porque tipo eu quero responder logo mas nunca tenho tempo aff!
Por isso tu comentas quando e se poderes! =)
Sempre que sejo o teu comentário abro logo um sorriso! =)
Este ainda mais, porque eu já não tinha noticias tuas á algum tempo e pensava que estavas chateada comigo =/ Mas ainda bem que não meu amor! Que alivio! Nem imaginas! =)

“Sinto que a relação do Alex e da Nikka está a trespassar as barreiras de um amor adolescente e fugaz.
A Nikka está muito adulta, a imortalidade fez-lhe muito bem e assenta-lhe que nem uma luva e isso é algo que me agrada imenso nela.
Tenho vindo a notar que eles estão muito abertos a falar de tudo (ou quase tudo).”
^É que é exactamente isso querida! =) Muito bem, captas-te a essência da coisa toda, o que me deixa extremamente feliz! =)

Pois foi, a parte da Nikka tirar o blosão mostrou que sim eles estão mesmo diferentes, e no fundo iguais xD Tu realmente captas-te tudo o que eu queria mostrar, fogo é mesmo bom ver isso! Porque obvio que eu não escrevi por escrever e aquilo era para mostrar isso mesmo que mesmo depois de tudo, eles continuam a ser a mesma Nikka e Alex que eram na villa xD Que mudaram sim, mas continuam no fundo iguais e que todo o sofrimento que passaram só tornou a tal paixão fugaz adolescente num amor único e sem barreiras :)

Ahahah sim foi mesmo MUITO Alex partir o pescoço ao rapaz! xD Se ele não o fizesse não ia ser o Alex que conhecemos xD
Equando o rapaz o chamou de paneleiro? =O
OMG, mesmo acho que a falta de masculinidade é que o Alex não tem!xD MESMO!
Eu ao escrever ri imenso, o Alex a levar com as pipocas, e depois a tira-las, a ser chamado de paneleiro… Bem, imagina o que aquilo fez ao orgulhoso rei xD

*continua*

AR disse...

ANDREIA

* Continuação*
“Depois as pipocas a saltarem-lhe para o cabelo… OMG! És incrível e só tu é que tens estas ideias fofas. EU AMO!
Sou 100% viciada nas fics/histórias da AR.”
^Neste momento, estou derretida! =)
Obrigada, meu bem

“A parte em que falaram da Kawit fez-me ter vontade de a matar. Ok, eu sabia que o Alex não iria fazer um voto de castidade enquanto estivesse longe da Nikka, mas para mim isto é de mais.”
^Querida, acho que não percebes-te bem, porque o Alex estava a dizer que não teve nada com a Kawit. Desde que ele viu a Nikka na Villa que nunca mais viu mais nenhuma. Assim como a Nikka com ele, não vêm os outros porque só podem pensar um no outro percebes?
Olha a parte:
“- Ela tentou. – disse baixinho – E eu queria. Queria deixar de fechar os olhos e pensar em ti, no teu corpo, no teu cheiro.
- Belas desculpas. – sentia-me traída.
- Mas não consegui. – confessou enquanto se deitava e escondia o rosto no meu pescoço – Só via os teus olhos, a cor da tua pele, o teu cabelo… Não funcionava com ela, por mais que quisesse. Nem com ela, nem com outra qualquer. – confessou.
- Oh Alex, juras? De verdade?
- Juro. – respondeu baixinho. – Depois de ti, as outras não existem. Não têm atractivos para mim.”
Eu quando escrevi o ponto de vista do Alex naquela parte em que ele estava super mal e a Kawit foi ter com ele, tirou a roupa e isso, e o Alex parou a desapertar as calças. Foi até aí que vimos, e agora o Alex diz que tentou (sim, porque ele não a mandou embora como vimos. Ele queria esquecer a Nikka. Mas não conseguiu. Ele fechava os olhos e via a Nikka.) ele acabou por mandar a Kawit embora antes mesmo de tirar as calças xD
Ele não “funciona” com outras porque tipo, ele não as vê. Imagina, também não vês outros além do teu amor, percebes?
Ele bem queria que a Nikka não significasse tanto para ele, mas desde que a viu, nunca mais a vida foi a mesma para ele. Ele não se sente atraído por outra, assim como a Nikka. Por mais que queiram esquecer um ao outro.
Resumindo, nenhum dos dois teve outros. Desde o dia em que trocaram um olhar =)

Agora, quanto ás tuas duvidas… Hum, eu acho que é melhor continuares cá pa ler para saberes ;)
Se disser se calhar vai perder a piada xD
Mas acho que isto posso dizer, sim a Nikka vai regressar ao castelo. Ainda só vamos no capitulo 11. Ainda falta bastante para eu poder dar um final nisto – alias, para me sentir preparada para isso. OMG, Estes dois foi a primeira coisa que escrevi na vida e são os meus bebés (acho k são todos os meus personagens, mas estes foram os primeiros custa-me imenso despedir-me deles :/ )
Agora, vamos ver se vão ter um final feliz ao ou não. Nem eu sei ainda, tudo depende de como as coisas se vão encaminhar. Veremos ;)

P.S-> Pois é, eu já vi aquilo das nomeações! xD Eu fiquei =O
Wow, tive tantos votos a ser nomeada e depois logo nas votações que fiquei mesmo chocada xD A sério, quando vi, fiquei mesmo comovida =)
Aposto que tal como tu! =)
Eu nas sondagens votei sim =)
Obrigada por votares em mim minha querida! Obrigada mesmo! =) e também vou contar um segredo xD
Eu também votei em ti! =)
Até acho que disse a algumas pessoas xD Então já não é tão segredo assim (=
Em mim não ia votar, se não acho que não tinha muita lógica, acho que votar em nós mesmas é que seria estranho lol e então OBVIO que ia votar em ti! =)
O meu voto está lá em ti! =)
Tambem deves estar feliz porque também votaram em ti! Eu cá já ficava toda feliz se só me tivessem mencionado como uma das melhores, um simples voto já é maravilhoso! =)
Porque aquilo foram os leitores, não é tão bom? =)

P.S2-> Desculpa nunca mais me calar! xD
Beijinhos minha querida! Fica bem! =D

=*

AR disse...

Vita

Olá minha loba! =D

Não tens nada de pedir desculpas por só comentares agora! Achas minha linda?
Eu percebo perfeitamente! Já sabes, comentas quando poderes, claro! Nem que seja um ano depois! XD É sempre bom ver os teu coment’s, obvio! =)
“Soberbo *-* Meu Deus, este capitulo está divinal :o
Dos melhores que já escreveste (mas também digo isto em todos , por isso xD)”
^Oh, obrigada meu anjo!! =)

Pois é o Alex foi um fofo, trouce as bolsas de sangue á Nikka, ele preocupa-se com ela, embora ás vezes disfarce ;)

Pois é, a Nikka foi provoca-lo com a casaca xD Só mesmo a Nikka xD

Mas é mesmo: ele não é um anjo. É o rei dos vampiros, sanguinário, e a Nikka sabe-o.

Pois é, ele é louco mesmo! xD Matou lá o rapaz e depois arrasta a Nikka pela mau e sai do cinema na boa! Lol
Eu também gosto disso nele, não podemos negar, o Alex tem estilo xD

Eu também achei que a ultima parte foi fofa *-*

Minha querida, obrigada por estares sempre aqui param mim! Tipo, já viste aos meses que sempre continuas fiel a mim e ás minhas histórias? És maravilhosa vita. Muito obrigada minha loba. Muito obrigada mesmo!
Por tudo, lobita! =P

P.S-> OMG fizeste-me um presente? :O Aquele que dizes-te que estavas a fazer para o meu aniversário, ou algo assim? OMG!
´Tipo, pelo que percebi tu já o envias-te, mas eu nãol recebi nada! Desde que aceitei o teu coment, passei a ir sempre ao e-mail para ver se recebia e nada. Tenta mandar de novo, porque eu não recebi meu amor. Mas desde já obrigada minha querida!!

Beijinhos grandes fofa! =P
=*

AR disse...

Joana

Olá Joana! =)

Ainda bem que adoras-te o capitulo minha querida! Como sabes isso é muito importante para mim! =) Sem duvida alguma! =)
Ah, a parte que gostas-te mais foi a do cinema? xD
Alex no seu melhor! ;)
Não podemos negar, o vampiro tem estilo xD
Ah, quanto á duvida de se as pessoas não repararam no que o Alex fez…
Bem, estava escuro lá, as pessoas perceberam que estava uma briga a se passar mas tipo, não viram bem o Alex a partir o pescoço do rapaz (o rapaz nem viu bem o Alex até ele levanta-lo, se visse a cara dele nem continuaria com a conversa e fugiria logo xD) mas depois com os gritos da lira mamuda lol perceberem. Mas o Alex já estava a arrastar a Nikka pela mão rapidamente. Então quando a confusão estava armada completamente, o Alex e a Nikka já estavam no carro com o Alex a arrancar a alta velocidade.
Ninguem desconfiou que ele era um vampiro ou isso, apenas um louco que matara outro no cinema por trocas de palavras.
xD
^Espero ter tirado a duvida xD
Oh pbrigada por teres achado o capitulo perfeito. És mesmo querida Joana.
Obrigada por me acompanhares, a mim e ás minhas histórias. Já lá vão uns meses e mesmo assim continuas por aqui o que é maravilhoso.
Obrigada minha querida, mesmo!

“(Vi agora a tua resposta ao meu comentario do post do teu aniversário, e por mais que goste de twilight por acaso não tenho nenhum blog)”
^Ah, eu estava era na duvida, pensei que eras tu e se fosses tinha de passar por lá, obviamente! =) É que ia-te pedir o link se fosses tu, para comentar llá…

Beijinhos grandes querida!
=*

AR disse...

Marta

Olá minha tonta! =)

Como estás??
Obrigada pelo coment meu bem, fiquei toda feliz!
Não tavas com inspiração? *-*
Tu para comentares é aquela coisa, nem que fosse uma única frase, fazias-me sempre sorrir! =P
E fico muito feliz por estares extremamente feliz e bem disposta! – só por isso, eu já fico mais um pouco! =)

“O capitulo esta tipooooooo, lindo, e paerfeito! Adorei completamente, e acho que encontrei um alex perfeito para mimmmm :DD”
^Obrigada minha linda!
Agora, vamos parar e fazer uma pausa… a parte do “e acho que encontrei um alex perfeito para mimmmm”, estavas a referir que o Alex era perfeito para ti ou que existe alguém no pedaço? (algo me diz que é mesmo a segunda opção!)
Oh, já sabes que aguardo noticias menina marta! =P Mal te apanhe no msn vais ser logo bombardeada! xD E também quero saber como ficou aquilo que falamos na ultima vez e isso ;)

Adoras-te as musicas? – Eu também! xD

Desculpas pelo coment fraquinho? Não aceito, porque o coment não está fraquinho coisa nenhuma. Coment é coment minha querida, eu adoraria nem que fosse só uma palavra! =P e como já disse acima, tens aquela coisa para coment’s;)

Muitos beijos grandes e gordos para ti, minha tonta!
=*

AR disse...

Bruna

Olá bruninha!
Então querida, como tens passado?
^Espero que muito bem! =)
“Eu amei como sempre este capítulo está fantástico.
Sei que não tenho vindo ver se há novo capítulo muitas vezes, mas isso não significa que esteja a perder o interesse.
Esta fascinante história irá sempre captar a minha atenção.
Porque enquanto ela durar, as minhas visitas a este blog também irão.”
Oh minha querida, muito obrigada!
És uma fofa, mesmo! =)
Ainda me lembro quando te “conheci”, no chat do TP, lembras-te, querida? *-*
E desde esse dia continuas sempre cá, obrigada por isso. É muito bom, acredita!

Ai, deixaste-me nostálgica com isso de que não vai durar para sempre! Ai, o que vai ser de mim sem os leitores e as pessoas espectaculares que conheci aqui? (tu obviamente incluída) =)
Eu acho que realmente a história da Nikka e do Alex não vai durar para sempre, porque nada vai poder ser. Terei de dar um final para Alex e Nikka, como dei para a Arianna e o Dominick. Mas vai custar imenso, porque foi assim a primeira coisa que escrevi e tenho um grande carinho por essa história, que sei que também foi especial para outras pessoas.
Mas quanto ao blog, provavelmente não vai durar para sempre, mas acho que sempre estarei ligada á blogosfera porque não quero perder contacto com estas pessoas todas de quem apesar de não conhecer fisicamente gosto. Se não for este blog, será outro, porque este já começa a estar cheio de mais xD Vou sempre andar por cá a postar alguma coisa, talvez não com este ritmo, porque vamos evoluindo e quanto mais o tempo passa mais responsabilidades temos, mas desistir não me parece xD Alguma coisa terei para trazer. Posso até tirar umas ferias longas, mas darei noticias, ou até parar de postar um pouco e ter um blog pessoal… sei lá, mas acabar com isto, não me parece, acho que não teria coragem xD
E espero que me vás acompanhando também, para não perdermos o contacto! =)

Mais uma vez, obrigada pelo apoio constante, por tudo minha querida!

Beijinhos grandes Bruninha!
=*

AR disse...

Phills

Olá minha querida!!
Como é habitual ri que nem uma perdida com o teu coment!!
Acho que nos daríamos muito bem, se fosse-mos colega de turma ou isso. Mas era melhor não, porque duas assim ia ser mau xD

Pois é, a ida ao cinema não foi lá grande ideia. O moço acabou sem pescoço, mas como tu dizes fez um alto espectáculo. – acredita que á pessoas assim! Ainda me lembro quando fui ver lua nova ao cinema, tipo estava lá um grupo que simplesmente era anti-fans e foi para lá passar o filme todo a rir e gozar com as falas, a citar falas do filme anterior… A rirem-se que nem hienas… Olha, a sério… Mas na segunda parte calaram-se porque também viram que já estavam a exagerar, e as pessoas todas reclamaram, mas ás vezes soltaram uns “agarra-te a ele cara***” Enfim.
Era partir aqueles pescoços todos, a ver se eles aprendiam! Aqueles parolos não faziam falta a ninguém!
Ahahaha Tu gostas-te do pormenor das pipocas? XD
Eu ri imenso ao imaginar o Alex (lindo de morrer) a tirar a pipoca com o dedo indicador e o polegar! Lol

Ah, pois é! O Alex disse que não teve nada com a porca da Kawit (nem com nenhuma outra desde que viu a Nikka pela primeira vez… *-* não é fofo? ) mas aquela lá tentou… - -‘

Pois, tu és mesmo a nº1 do clube das anti-fans! xD Ou se calhar és a fundadora lol – ah isso, não, porque só começas-te a ler quando ela já era odiada por muitas, mas o teu ódio é muito intenso ;) Mas aquela lá, não deve ter nenhum clube de fans, badalhoca! lol

Ah querida, já me esquecia de dizer…
E o Benfica x Sporting?
Menos um homem e olha só ;)
É muito jogo!

beijinhos grandes minha querida!
Obrigada por tudo, és mesmo uma pessoa 5 estrelas.
=*

Anónimo disse...

Não recebeste =O?
Ups :X é que eu ja tinha apagado $: porque eu tinha-o feito no computador do meu irmão que tem mais programas de design que o meu... Eu apaguei-o porque ele anda sempre a vasculhar as minhas coisas!
Mas nao te preocupes minha linda =* Eu vou fazer de novo e envia.lo para ti =)
Dps responde, se recebeste :D

Vita ^^'
a tua fiel loba

Lusa disse...

Ola minha querida,

Desculpa so comentar hoje mas ja li o capitulo no dia seguinte em que o postas-te mas nao pude comentar... Ando atarafada e super cansada estes ultimos dias...

é bom estes dois ainda estarem juntos mesmo se ainda nao esta tudo resolvido...
Gostei de teres incluido a historia da Ariane, é bom recordar a outra fic.

Bem o Alex tambem nao precisava ter matado o rapaz no cinema... O rapaz tinha toda a razão ele podia conter-se... Eu tambem se alguem tivesse sempre a falar num cinema( o que acontece as vezes) é logico mandar-mos calar a pessoa. Adoro o Alex mas tem que ser mais calmo...lol

Adorei a conversa deles, admitirem que não coseguiam fazer amor com outra pessoa..
So espero que ele consigue perdoar a Nikka, e que os dois se entendem definitivamente^^ Sou sempre fã incondicional deste casal^^ <3

Desculpa este comentario tão fraco...
Muitos beijinhos <3

Fatima

Anónimo disse...

olá AR

tudo bem?

olha quando vais postar o novo capitulo?

bj

Barbara

Anónimo disse...

Olá!
Queria pedir um favor, podes votar no meu blog (Another Light) aqui, sff: http://sitesdivulgados.blogs.sapo.pt/24301.html
Obrigada ^^
Bjs*

verita-17 disse...

ola minha linda, não sei se aqui é o melhor sitio para se comentar, mas está tudo bem?? como nunca ficaste tanto tempo sem dar noticias....

se precisares de alguma coisa e eu puder ajudar é só dizer..

o meu mail é: Verita-23@hotmail.com

beijocas

Anónimo disse...

Olá qrida! :D
(N sei se te lembras de mim :x)
Adoreia a fic *-*
Dcp n ter comentado c/ regularidade, mas o meu pc avariou e foi p/ um amigo da nha irmã para ser arranjado... mas aparentemente só veio pior, o q me tirou mm do sério! Antes ligava, mas dd q voltou nem ligar faz!
Agr só posso vir agr ou pc qnd estou na escola e ou qnd estou na biblioteca e em casa de uma amiga... x_x
Bm, o q qeria dizer era q adoro mm a tua fic! :D e tinha mm saudades de ler a tua fic! Ja reaparei q tinhas uma fic nova e estou anciosa para le-la!! :D
Bj**

Flavia Mendes disse...

Ola Ar!
Adorei a tua fic!
´´E simplesmente brutal!
Espero que continues a postar o resto da historia beijo :)

Enviar um comentário